Morfologia de sementes e plântulas de cártamos

Haynna Fernandes Abud, Nayara Roberto Gonçalves, Rodrigo de Goes Esperon Reis, Maria Izabel Gallão, Renato Innecco

Resumo


O cártamos (Carthamus tinctorius L.), pertencente à família Compositae ou Asteraceae, atualmente é utilizado também com fins ornamentais. O objetivo do trabalho foi determinar a biometria, descrever e ilustrar a morfologia externa da semente, e da plântula de cártamos. O experimento foi conduzido no Laboratório de Análises de Sementes do Departamento de Fitotecnia, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará. Foram realizadas a pesagem de mil sementes e a determinação do teor de água das sementes. Foram feitas medições individuais de comprimento, largura e espessura das sementes para determinações biométricas e a caracterização morfológica de suas partes internas e externas, além da caracterização da plântula e de suas respectivas estruturas. O peso de mil sementes deste lote foi de 33,75g e o teor de água foi de 8,6%. Observou-se que a semente de cártamos é eurispérmica, com dimensões médias de comprimento de 6,84 mm, largura de 4,21 mm e espessura de 3,37 mm. O tipo de germinação é epígea e a plântula é fanerocotiledonar.


Palavras-chave


Carthamus tinctorius; Caracterização morfológica; Germinação; Epígea

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.