Ingestive behavior of lambs or hoggets fed on high-concentrate diets of maize or sorghum

Rafael Sanches Venturini, Sérgio Carvalho, Camilla Trevisan Teixeira, Luiz Gustavo de Pellegrini, Danielle Dias Brutti

Resumo


The aim of this study was to evaluate the ingestive behaviour of lambs or hoggets, finished in confinement on high-concentrate diets based on maize or sorghum grain. A total of 32 animals were used, 16 lambs (milk teeth) and 16 hoggets (2 teeth), which were distributed in a completely randomised experimental design and a 2 x 2 factorial scheme (two categories x two types of grain). In the categories under evaluation (lambs and hoggets), a significant difference (P≤0.05) was found for total chewing time, idle time and other activities (expressed in min/day and as a percentage), number of meals per day, time spent per meal and for the weight of dry matter or NDF ingested per meal (g/DM per REF and g/NDF per REF respectively). For the grain under test (maize or sorghum), significant differences (P≤0.05) were seen in feeding time, total chewing time and idle time (expressed in min/day and as a percentage) and for feed efficiency (g DM/h and NDF/h). Differences in the nutritional demands of lambs and hoggets, and in the composition of high-concentrate diets of maize or sorghum, cause changes in some characteristics of the ingestive behaviour of the animals.

Palavras-chave


Animal category; Confinement; Sheep

Texto completo:

PDF

Referências


BARCELLOS, L. C. G. et al. Avaliação nutricional da silagem de grãos úmidos de sorgo de alto ou de baixo conteúdo de tanino para frangos de corte. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 35, n. 1, p. 104-112, 2006.

BARROS, R. P. et al. Aspectos metodológicos da avaliação do comportamento animal: intervalos de tempo em minutos e dias. Revista Científica de Produção Animal, v. 16, n. 1, p. 60-67, 2014.

BÜRGER P. J. et al. Comportamento ingestivo em bezerros holandeses alimentados com dietas contendo diferentes níveis de concentrado. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 16, n. 1, p. 236-242, 2000.

CARDOSO, A. R. et al. Comportamento ingestivo de cordeiros alimentados com dietas contendo diferentes níveis de fibra em detergente neutro. Ciência Rural, v. 36, p. 604-609, 2006.

CARVALHO, S. et al. Comportamento ingestivo de cabras Alpinas em lactação alimentadas com dietas contendo diferentes níveis de fibra em detergente neutro proveniente da forragem. Revista Brasileira Zootecnia, v. 35, n. 2, p. 562-568, 2006.

CARVALHO, S. et al. Comportamento ingestivo de cordeiros texel e ideal alimentados com casca de soja. Archivos de Zootecnia, v. 63, n. 241, p. 55-64. 2014.

CARVALHO, S. et al. Efeito de dietas de alto grão sobre o comportamento ingestivo de cordeiros em confinamento. Zootecnia Tropical - FONAIAP, v. 33, p. 145-152, 2015.

CIRNE, L. G. A. et al. Comportamento ingestivo de cordeiros alimentados com dietas contendo feno de amoreira. Semina: Ciências Agrárias, v. 35, n. 2, p. 1051-1060, 2014.

FREITAS, L. S. et al. Substituição da silagem de milho por silagem de girassol na dieta de novilhos em confinamento: comportamento ingestivo. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 39, n. 1, p .225-232, 2010.

HÜBNER, C. H. et al. Comportamento ingestivo de ovelhas em lactação alimentadas com dietas contendo diferentes níveis de fibra em detergente neutro. Ciência Rural, v. 38, n. 4, p. 1078-1084, 2008.

MAIA, I. S. G. et al. Consumo, avaliação do modelo small ruminant nutrition system e predição da composição corporal de cordeiros Santa Inês alimentados com rações contendo diferentes níveis de energia. Semina: Ciências Agrárias, v. 35, n. 4, p. 2579-2596, 2014. Suplemento.

MENDES, C. Q. et al. Comportamento ingestivo de cordeiros e digestibilidade dos nutrientes de dietas contendo alta proporção de concentrado e diferentes fontes de fibra em detergente neutro. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 39, n. 3, p. 594-600, 2010.

MISSIO, R. L. et al. Comportamento ingestivo de tourinhos terminados em confinamento, alimentados com diferentes níveis de concentrado na dieta. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 39, n. 7, p. 1571-1578, 2010.

MORENO, J. A. Clima do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Secretaria da Agricultura, 1961. 41 p.

NATIONAL RESEARCH COUNCIL. Nutrient requirements of small ruminants sheep, gots, cervids, and new world camelids. Washington, D. C.: National Academy Press, 2007. 362 p. (Animal nutrition series).

ROONEY, W. L.; PFLUGFELDER, R. L. Factors affecting starch digestibility with special emphasis on sorghum and corn. Journal of Animal Science, v. 63, n. 1, p. 1607-1623, 1986.

SAS INSTITUTE. Statistical analysis systems user’s guide. Version 2014. Cary, NC: SAS Institute.

VAN SOEST, P. J. Nutricional ecology of the ruminant. 2. ed. Ithaca: Cornell University Press, 1994. 476 p.

ZANIN, E.; FREGONESI, J. A.; MANGILLI, L. G. Comportamento e bem estar de vacas leiteiras submetidas à secagem: revisão. Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia, v. 10, n. 5, p. 370-380, 2016.




Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.