Fuzzy logic and geostatistics in studying the fertility of soil cultivated with the rubber tree

Julião Soares de Sousa Lima, Samuel de Assis Silva, Adilson Almeida dos Santos, Marcelo Soares Altoé

Resumo


Knowledge of the spatial variability of soil attributes is an aid to soil management. The aim of this study was to apply fuzzy logic and geostatistics in defining the spatial variability of soil fertility, in soil cultivated with the rubber tree. Soil samples from the 0-0.20 m and 0.20-0.40 m layers were collected in a stratified random sampling grid, with a shortest distance of 6 m, for a total of 60 points. The chemical attributes were P, K, Ca, Mg, BS, CEC and V. The spatial dependence of the attributes was determined, and the maps were constructed using ordinary kriging interpolation. The interpolated values were transformed into degrees of pertinence (FI), with the lower and upper limits previously defined, using an increasing model. The nutrient P displayed values in both layers below the recommended lower limit (< 20 mg dm-3). The rules of inference indicated that the total area shown in the fuzzy maps of soil fertility requires the application of correctives and fertiliser, as it has an FI < 0.50 and a percentage area > 50%. This methodology reduced the number of maps for interpreting soil fertility in the area, enabling visualisation of the spatial and gradual variability of the needs of the region.

Palavras-chave


Soil management; Map of fertility; Fuzzy logic

Texto completo:

PDF

Referências


BONISCH, S. et al. Representação e propagação de incertezas em dados de solo. II. Atributos numéricos. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 28, n. 1, p. 33-47, 2004.

BRESSAN, G. M. et. al. Sistema de classificação fuzzy para o risco de infestação por plantas daninhas considerando a sua variabilidade espacial. Planta Daninha, v. 24, n. 2, p. 229-238, 2006.

CAMBARDELLA. C. A. et. al. Field-scale variability of soil properties in central Iowa soils. Soil Science Society American Journal, v. 58, p. 1501-1511, 1994.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Manual de análises químicas de solos, plantas e fertilizantes. 3. ed. Rio de Janeiro: Centro Nacional de Pesquisas do Solo, 2011. 230 p.

FARIAS, G. P.; DIMURO, G. P.; COSTA, A. C. R. Aplicação de agentes BDI com percepção fuzzy em um modelo presa-predador fuzzy. Revista de Informática Teórica e Aplicada, v. 17, n. 3, p. 299-324, 2010.

GOMES, N. M. et al. Variabilidade espacial de atributos físicos do solo associados ao uso e ocupação da paisagem. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 11, n. 4, p. 427-435, 2007.

LIMA, et al. Análise espacial de atributos químicos do solo e da produção da cultura pimenta-do-reino (piper nigrum, L.). IDESIA, v. 28, n. 2, p. 31-39, 2010.

LIMA, J. S. S. et al. Fuzzy classification in the determination of input application zones. Revista Brasileira de Ciências do Solo, v. 40, p. 1-15. 2016.

MORAES, V. H. F.; MORAES, L. A. C. Desempenho de clones de copa de seringueira resistentes ao mal-das-folhas. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 43, n. 11, p.1495-1500, 2008.

OLIVEIRA, P. G. C. et al. Variabilidade espacial de propriedades químicas do solo e da produtividade de citros na Amazônia Oriental. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 13, n. 6, p. 708-715, 2009.

PIMENTEL-GOMES, F. P.; GARCIA, C. H. Estatística aplicada a experimentos agronômicos e florestais: exposição com exemplos e orientações para uso de aplicativos. Piracicaba: FEALQ, 2002. 309 p.

PREZOTTI, L. C. et al. Manual de recomendação de calagem e adubação para o estado do Espírito Santo: 5ª aproximação. Vitoria: SEEA: INCAPER: CEDAGRO, 2007. 305 p.

ROBERTSON, G. P. GS+: geostatistics for the environmental sciences: GS+ user´s guide. Plainwell: Gamma Desing Software, 1998. 152 p.

ROQUE, C. G. et al. Mapeamento da produtividade e perímetro do tronco de clones de seringueira em argissolo vermelho-amarelo. Scientia Forestalis, v. 70, p. 59-66, 2006.

SILVA, S. A.; LIMA, J. S. S.; BOTTEGA, E. L. Variabilidade espacial da precipitação pluviométrica para o estado do Espírito Santo utilizando métodos multivariados. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, v. 6, n. 4, p. 703-709, 2011.

SILVA, S. A; LIMA, J. S. S. Lógica fuzzy no mapeamento de variáveis indicadoras de fertilidade do solo. IDESIA, v. 27, n. 3, p. 41- 46, 2009.

SOUZA, G. S. et al. Aplicação de lógica fuzzy e geoestatística na análise da fertilidade de um solo sob pastagem. Revista Ciência Agronômica, v. 40, n. 3, p. 323-330, 2009.

VIEIRA, S. R. et al. Relação espacial entre características dendrométricas de seringueira (Hevea Brasiliensis) e de atributos físicos do solo. Revista de Ciência da Vida, v. 32, n. 2, p. 63-73, 2012.




Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.