Repeatibility of agroindustrial characters in sugarcane in different harvest cycles

Hudsonkléio Da Costa Silva, Clodoaldo José Anunciação Filho, Gerson Quirino Bastos, João Andrade Dutra Filho, Djalma Euzébio Simões Neto

Resumo


n commercial cultivation of sugarcane, knowledge about the repetition of agroindustrial characters is essential to identify long-lived genotypes in production cycles, which when selected, will contribute to the significant increase in productivity. This work evaluated the agroindustrial performance of 16 sugarcane genotypes in the sugarcane microregion Litoral Norte of Pernambuco in four harvest cycles and the regularity in the repetition of characters. The experiment was conducted in the agricultural area of São José sugar mill, Igarassu, state of Pernambuco, Brazil. The experiment was carried out following a randomized block design with four replications. The variables evaluated were: tons of POL per hectare (TPH), tons of cane per hectare (TCH), fiber (FIB), adjusted POL% (PCC), soluble solids content (BRIX), and total recoverable sugar (TRS). The variance analysis detected significant differences among the genotypes along the four harvest seasons, indicating genetic variability and possibility of success in the selection of superior genotypes. Estimates of repeatability coefficient point to regularity in the repetition of agro-industrial characteristics allowing to identify genotypes with the highest longevity. The genotypes SP79-1011, RB863129, RB92579, RB813804, RB982559 e RB982613 presented best agroindustrial performance, and two evaluations based on TPH and TCH characters are enough to select superior genotypes with 90% predictability of their actual values.

Palavras-chave


Longevity; Productivity; Repetition of characters; Selection; Saccharum spp

Texto completo:

PDF

Referências


ABEYWARDENA, V. An application of principal component analysis in genetics. Journal of Genetics, v. 16, n. 1, p. 27-51, 1972.

BARBOSA, M. H. P; SILVEIRA, L. C. I. Melhoramento genético e recomendação de cultivares. In: SANTOS, F; BORÉM, A; CALDAS, C. (Ed.) Cana-de-açúcar: bioenergia, açúcar e etanol: tecnologias e perspectivas. Viçosa, MG: UFV, 2012. p. 313-353.

CARDOSO, A. I. N. Número mínimo de colheitas em pepino híbrido estimado por meio do coeficiente de repetibilidade. Bragantia, v. 65, n. 4, p. 591-595, 2006.

CHIA, G. S. et. al. Repetibilidade da produção de cachos de híbridos interespecíficos entre o caiaué e o dendezeiro. Acta Amazônica, v. 39, n. 2, p. 249-254, 2009.

COUTO, M. F. et. al. Classification of the coefficients of variation for sugarcane crops. Ciência rural, v. 43, n. 6, p. 957-961, 2013.

CRUZ, C. D. Programa Genes: biometria. Vicosa, MG: UFV, 2006. 382 p.

CRUZ, C. D.; REGAZZI, A. J.; CARNEIRO, P. C. S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. Viçosa, MG: UFV, 2012. 514 p.

CUENYA, M. I.; MARIOTTI, J. A. Repetibilidad de la expresion em etapas tempranas de seleccion en progenies hibridas de caña de azucar (Saccharum spp.). Revista Industrial y Agrícola de Tucumán, v. 70, p. 41-48, 1993.

DANNER, M. A. et al. Repetibilidade de caracteres de fruto em araçazeiro e pitangueira. Ciência Rural, v. 40, n. 10, p. 2086-2091, 2010.

DUTRA FILHO, J. A. et al. Aplicação de técnicas multivariadas no estudo da divergência genética em cana-de-açúcar. Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 1, p. 185-192, 2011.

DUTRA FILHO, J. A. et al. Estimativa do ganho por seleção para produtividade em famílias de cana-de-açúcar. Comunicata Scientiae, v. 3, n. 1, p. 35-40, 2012.

FERNANDES, A. C. Cálculos na agroindustria da cana-de-açúcar. 2. ed. Piracicaba: EME, 2003. 240 p.

FERREIRA, A. et al. Repetibilidade e número de colheitas para a seleção de clones de cana-de-açúcar. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 40, n. 8, p. 761-767, 2005.

KOFFLER, N. F. et al. Caracterização edafo-climática das regiões canavieiras do Brasil: Pernambuco. Piracicaba: IAA: PLANALSUCAR, 1986. 78 p.

MANFIO, C. E. et al. Repetibilidade de características biométricas do fruto de macaúba. Ciência Rural, v. 41, n. 1, p. 70-76, 2011.

MANSOUR, H.; NORDHEIM, E. V.; RUTLEDGE, J. J. Estimators of repeatability. Theoretical and Applied Genetics, v. 60, n. 3, p. 151-156, 1981.

MELO, L. J. O. T. et al. Desempenho agroindustrial de cultivares de cana-de-acucar na zona da mata litoral sul de Pernambuco. Ciência e Agrotecnologia, v. 33, n. 3, p. 684-691, 2009.

MELO, L. J. O. T. et al. Interacao genotipo x ciclos de colheita de cana-de-acucar da Zona da mata Norte de Pernambuco. Bragantia, v. 65, n. 2, p. 197-205, 2006.

NEGREIROS, J. R. S. et al. Estimativas de repetibilidade de caracteres de produção em laranjeiras-doces no Acre. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 43, n. 12, p. 1763-1768, 2008.

RESENDE, M. D. V. de. Genética biométrica e estatística no melhoramento de plantas perenes. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2002. 975 p.

SANTOS, M. S. M. et al. Repetibilidade de características agroindustriais em cana-de-açúcar. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 39, n. 4, p. 301-306, 2004.

SILVA, F. L. da et al. Análise de trilha para os componentes de produção de cana-de-açúcar via blup. Revista Ceres, v. 56, n. 3, p. 308-314, 2009.

SOARES, E. B. et al. Repetibilidade e correlações entre caracteres morfo-agronômicos de cajazeira. Ciência e Agrotecnologia, v. 32, n. 6, p. 1851-1857, 2008.

SOUZA SOBRINHO, F. de et al. Repetibilidade de características agronômicas e número de cortes necessários para seleção de Urochloa ruziziensis. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 45, n. 6, p. 579-584, 2010.

SOUZA, P. H. N. et al. Avaliação de genótipos de cana-de-açúcar para início de safra na Microrregião Centro de Pernambuco. Revista Ceres, v. 59, n. 5, p. 427-432, 2012.

VENCOVSKY, R. Princípios de genética quantitativa. Piracicaba: Esalq, 1973. 97 p.




Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.