Componentes do rendimento de mamona segundo a ordem floral e época de semeadura no Rio Grande do Sul

Jacson Zuchi, José Cola Zanuncio, Gilberto Antônio Peripolli Bevilaqua, Silmar Teichert Peske, Sergio Delmar dos Anjos e Silva

Resumo


Diversos fatores, como a época de semeadura, afetam a produtividade e a qualidade das sementes. O objetivo deste trabalho foi avaliar quatro componentes do rendimento de mamona em função da época de semeadura e da ordem floral na Embrapa Clima Temperado em Pelotas, Rio Grande do Sul em solo tipo Argissolo Amarelo na latitude de 31º40’53,6" S, longitude de 52º26’23,5" W e altitude de 67,10 metros. O número de cachos emitidos, produtividade de sementes, percentagem de casca e peso de mil sementes foram avaliados para as cultivares Al Guarany 2002, IAC 80, IAC 226 e BRS 188 Paraguaçu. A maior emissão de cachos de mamona não implica, necessariamente, em maior produtividade de sementes, a qual variou entre época de semeadura e ordem floral.


Palavras-chave


Mamona; Culturas agricolas-rendimento; Semeadura; Sementes-qualidade

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.