Substrates and time intervals of renewal of wastewater in production and post-harvest of the ornamental sunflower

José Amilton Santos Júnior, Hans Raj Gheyi, Aldrin Martin Pérez-Marin, Nildo da Silva Dias, Doroteu Honório Guedes Filho

Resumo


A produção de flores em sistema semi-hidropônico é uma alternativa rentável para geração de renda em comunidades de agricultores familiares do semiárido brasileiro, isto porque este sistema de cultivo equaciona aspectos ligados ao clima, à água e ao solo desta região, favorecendo a produção das culturas. Neste trabalho estudou-se a utilização da água residuária como fonte de água e nutrientes renovado em quatro intervalos de tempo (diariamente, a cada dois, três e quatro dias) e três substratos de cultivo (fibra de coco, areia e bagaço de cana de açúcar) na produção e pós-colheita de flores de girassol; estes tratamentos foram distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, analisado em esquema fatorial 4 x 3, com três repetições, totalizando 36 unidades experimentais. Verificou-se que as plantas sob renovação da água residuária a cada quatro dias apresentaram características compatíveis com o padrão comercial para flores de girassol, desde que cultivadas em fibra de coco ou areia.


Palavras-chave


Helianthus annus L.; Sistema Hidroponico; Reúso de Água

Texto completo:

PDF

Referências


APHA - AMERICAN PUBLIC HEALTH ASSOCIATION. Standard methods for the examination of water and wastewater. 13. ed. Washington, 1991. p. 62-65.

ANDRADE, L. O. de. et al. Crescimento de girassóis ornamental em sistema de produção orgânica e irrigada com água residuária tratada. Irriga, v. 1, n. 1, p. 69-82, 2012a.

ANDRADE, L. O. de et al. Qualidade de flores de girassóis ornamentais irrigados com águas residuária e de abastecimento. IDESIA, v. 30, n. 2, p. 19-27, 2012b.

CURTI, G. L. Caracterização de cultivares de girassol ornamental semeados em diferentes épocas no Oeste Catarinense. 2010. 76 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco. 2010.

CONNOR, J. D.; HALL, A. J. Sunflower physiology. In: SCHNEIDER, A. A. (ed.). Sunflower technology and production. Madison: ASA/CSSA/SSSA, 1997. p. 113-181. (Series of monographs, 35).

EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Girassol Embrapa 122-V2000. Londrina: Embrapa Soja, 2006. Folder n. 04/2006.

FERREIRA, D. F. SISVAR: um programa para análises e ensino de estatística. Revista Symposium, v. 6, n. 2, p.36-41, 2008.

GRIEVE, C. M; POSS, J. A. Response of ornamental sunflower cultivars ‘Sunbeam’ and ‘Moonbright’ to irrigation with saline wastewaters. Journal of Plant Nutrition, v. 33, n. 11, p. 1579-1592, 2010.

MALDANER, I. C. et al. Métodos de determinação não-destrutiva da área foliar em girassol, Ciência Rural, v. 39, n. 5, p. 1356-1361, 2009.

MACHADO NETO, A. da S.; JASMIM, J. M.; PONCIANO, N. J. Indicadores econômicos da produção de flores tropicais no estado do Rio de Janeiro. Revista Ceres, v. 60, n. 2, p. 173-184, 2013.

MEDEIROS, S. S. et al. Cultivo de flores com o uso de água residuária e suplementação mineral. Revista Engenharia Agrícola, v. 30, p. 1071-1080, 2010.

NEVES, M. B. et. al. Desenvolvimento de plantas de girassol ornamental (Helianthus annuus L.) em vasos, em dois substratos com solução nutritiva e em solo. Científica, v. 33, n. 2, p. 127-133, 2005.

NOBRE, R. G. et al. Produção do girassol sob diferentes lâminas com efluentes domésticos e adubação orgânica. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 14, n. 7, p. 747-754, 2010.

SANTOS JÚNIOR, J. A. et al. Uso racional da água: ações interdisciplinares em escola rural do semiárido brasileiro. Ambi-Agua, v. 8, n. 1, p. 263-271, 2013.

SOUZA, R. M. et al. Utilização de água residuária e de adubação orgânica no cultivo do girassol. Revista Caatinga, v. 23, n. 2, p. 125-133, 2010.

TRAVASSOS, K. D. et al. Crescimento de produção de flores de girassol irrigado com água salobra. Revista Brasileira de Agricultura Irrigada, v. 5, n. 2, p. 123-133, 2011.




Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.