Eficiência do uso da água pelo capim-marandu em função de doses de nitrogênio e enxofre

Adriana Guirado Artur, Tiago Barreto Garcez, Francisco Antonio Monteiro

Resumo


Neste estudo objetivou-se avaliar a combinação de doses de nitrogênio e enxofre no consumo e eficiência do uso da água pela Brachiaria brizantha cv. Marandu. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, utilizando-se um solo classificado como Neossolo Quartzarênico Órtico típico. Cinco doses de nitrogênio (0; 100; 200; 300 e 400 mg dm-3) foram combinadas com cinco doses de enxofre (0; 10; 20; 30 e 40 mg dm-3) em um fatorial 52 fracionado, com quatro repetições. A parte aérea do capim foi cortada três vezes em intervalos aproximados de 30 dias. A água do solo foi mantida a 70% da capacidade de retenção por meio de um sistema autoirrigante. Ocorreu aumento no consumo e na eficiência do uso da água pela gramínea forrageira em razão do fornecimento de nitrogênio e enxofre. A adubação com nitrogênio incrementou o consumo e a eficiência no uso da água no primeiro período de crescimento (35 dias após o transplantio das mudas). O fornecimento simultâneo de doses de nitrogênio e enxofre foi mais efetivo no aumento do consumo de água no terceiro período de crescimento. Para a eficiência no uso da água esse efeito foi observado no segundo e terceiro períodos de crescimento do capim-marandu.

Palavras-chave


Capim-marandu; Plantas e água; Plantas-efeito do nitrogênio; Plantas-efeito do enxofre

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.