Evapotranspiração e coeficientes de cultivo da melancia sem sementes

Lilian Cristina Castro de Carvalho, Francisco Marcus Lima Bezerra, Marco Antonio Rosa de Carvalho

Resumo


A pesquisa foi desenvolvida em Fortaleza, CE (latitude 3o43’S, longitude de 38º32’W e altitude de 19,5 m), com o objetivo de determinar a evapotranspiração e os coeficientes de cultivo para os diferentes estádios da melancia sem sementes (Citrullus lanatus, Schrad), utilizando o método do balanço hídrico em lisímetro de drenagem. A unidade experimental constou de quatro lisímetros de drenagem localizados numa área de 600 m2. A evapotranspiração da cultura (ETc) foi determinada pelo método do balanço hídrico, em um volume de controle de solo com profundidade de 0,45 m, cuja umidade foi monitorada por tensiômetros. A evapotranspiração de referência (ETo) foi estimada pelo método do tanque classe A. Os coeficientes de cultura foram obtidos a partir da relação entre ETc e ETo nos diferentes estádios fenológicos. A ETc apresentou valores crescentes desde o estádio vegetativo até a estádio de frutificação, caindo em seguida no estádio de maturação. O valor máximo de kc foi observado no estádio de frutificação.


Palavras-chave


Citrullus lanatus. Drainage lysimeter. Tensiometers.

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.