Caracterização físico-química de subprodutos obtidos do processamento de frutas tropicais visando seu aproveitamento na alimentação animal

José Edilton Lousada Júnior, José Maria Correia da Costa, José Neuman Miranda Neiva, Norberto Mário Rodriguez

Resumo


Resíduos de abacaxi, acerola, goiaba, maracujá e melão oriundos do processamento de frutas tropicais foram caracterizados com vista ao seu aproveitamento como fonte alimentar para suprir as necessidades de rebanho ovino. Os resíduos foram submetidos ao processo de secagem solar até atingirem um teor de umidade entre 13 e 16%. A preparação dos resíduos foi feita através de trituração em moinho de martelo, com peneira de 5mm de abertura. Nas amostras dos resíduos, coletadas do ensaio de digestibilidade aparente em ovinos foram realizadas as seguintes análises: matéria seca; proteína bruta; extrato etéreo, fibra detergente neutro, fibra detergente ácido; cinzas; nitrogênio insolúvel em detergente neutro; nitrogênio insolúvel em detergente ácido; lignina; cálcio; fósforo; pectina e digestibilidade in vitro da matéria seca. Os resultados das análises mostraram que o teor de: matériaseca, proteína bruta, fibra detergente ácido, fibra detergente neutro, hemicelulose, lignina e carboidratos totais variaram de 83,33 a 86,33%; 8,35 a 17,33%; 30,74 a 54,70%; 56,15 a 73,45%; 9,92 a 40,65%; 5,29 a 20,11%; 64,84 a 83,68% respectivamente. No que concerne a digestibilidade in vitro da matéria seca o teor variou de 32,20 a 62,11%.


Palavras-chave


by-products, pineapple, acerola, guava.

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.