Aplicação foliar de ácido silícico estabilizado na soja, feijão e amendoim

Carlos Alexandre Costa Crusciol, Rogério Peres Soratto, Gustavo Spadotti Amaral Castro, Claudio Hideo Martins da Costa, Jayme Ferrari Neto

Resumo


A aplicação de silício (Si) é benéfica às plantas. Porém, existem dúvidas sobre a eficiência do seu fornecimento via foliar. Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito da aplicação de Si via foliar, na forma de ácido silícico estabilizado (fonte recém-desenvolvida), na nutrição e na produtividade das culturas da soja, feijão e amendoim. O delineamento experimental para cada cultura foi em blocos casualizados, com quatorze repetições. Os tratamentos foram: controle (sem aplicação de Si) e aplicação de Si via foliar, na dose de 2 L ha-1 do produto Silamol® (0,8% de Si solúvel como um concentrado estabilizado de ácido silícico). A dose de Si foi parcelada em quatro aplicações. A aplicação via foliar elevou os teores de Si, proporcionando aumento do número de vagens e da produtividade de grãos das três culturas. O incremento foi da ordem de 14; 15 e 9,6%, respectivamente, para as culturas da soja, feijão e amendoim.


Palavras-chave


Glycine max; Phaseolus vulgaris; Arachis hypogaea; Silício; Nutrição mineral.

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.