Parametrização de modelos agrometeorológicos para estimativa de produtividade da cultura do milho na região de Parnaíba, Piauí

Aderson Soares de Andrade Júnior, Luiz Gonzaga Medeiros de Figueredo Júnior, Milton José Cardoso, Valdenir Queiroz Ribeiro

Resumo


O uso de modelos de culturas possibilitam uma economia de tempo, trabalho e quantidade de recursos para tomada de decisões no setor agrícola, por possibilitar uma previsão do processo de interesse e/ou um melhor entendimento do sistema em estudo. O presente trabalho teve por objetivo parametrizar alguns modelos agrometeorológicos para estimativa da produtividade de grãos de milho nas condições de solo e clima do município de Parnaíba, PI. Os dados agrometeorológicos e de produtividade de grãos de milho foram obtidos de experimentos conduzidos no período de 1994 a 2002, no município de Parnaíba, PI (03°05’ S, 41°47’ W e altitude de 46 m). Os modelos agrometeorológicos de estimativa da produtividade parametrizados foram: Jensen, Minhas e Stewart. Os modelos estudados podem ser utilizados com considerável grau de confiabilidade para estimar a produtividade de grãos de milho na região de Parnaíba, PI, sendo o modelo de Stewart et al. (1977), o mais recomendado para essas condições.


Palavras-chave


climatic risk, crop model, yield, water balance.

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.