Produção de melão Pele de Sapo híbrido ‘Medellín’ cultivado com diferentes salinidades da água

Damiana Cleuma de Medeiros, José Francismar de Medeiros, Pollyana Mona Soares Dias, Murillo Anderson Gonçalves Barbosa, Keivianne da Silva Lima

Resumo


Dentre os problemas enfrentados pela cultura do melão no Estado do Rio Grande do Norte, a salinidade da água e do solo é um dos principais fatores limitantes da produção e da qualidade dos frutos. O objetivou-se com este trabalho estudar os efeitos de aplicação de águas de irrigação com diferentes níveis de salinidade na produção de melão Pele de Sapo híbrido ‘Medellín’. O delineamento utilizado foi o de blocos inteiramente casualizados com quatro repetições. Os tratamentos constaram de concentrações de sais na água de irrigação (0,54; 1,48; 2,02; 3,03 e 3,9 dS m-1). As características de produção avaliadas foram: produtividade comercial e produtividade total, número de frutos comerciais por planta, número de frutos totais, massa média de frutos comerciais, massa média dos frutos totais. O incremento da salinidade na água influenciou negativamente o rendimento da cultura, com perdas relativas por incremento unitário de salinidade acima de 0,54 dS m-1, de 7,5%; 7,8%; 8,32% e 8,70%, para produtividade comercial e total e número de frutos comerciais e totais, respectivamente.

Palavras-chave


Cucumis melo L; Qualidade da água; Condutividade Elétrica

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.