Compostos nitrogenados e carboidratos em sorgo submetido à salinidade e combinações de nitrato e amônio

Ana Karla Moreira Lobo, Marcio de Oliveira Martins, Milton Costa Lima Neto, Aurenívia Bonifácio, Joaquim Albenísio Gomes da Silveira

Resumo


O objetivo do trabalho foi avaliar os efeitos de combinações de nitrato e amônio no meio, na acumulação de compostos nitrogenados e carboidratos, na presença e ausência de salinidade em plantas de sorgo. Sementes do genótipo CSF 20 foram cultivadas em casa de vegetação, em solução nutritiva com três concentrações de nitrato e amônio (100% NO3-: 0% NH4+, 75% NO3-: 25% NH4+ e 0% NO3-: 100% NH4+), na presença e ausência de salinidade. A salinidade reduziu a concentração de nitrato nas folhas e colmo, nos tratamentos 100:0 e 75:25. O amônio acumulou-se mais nas plantas com NaCl, nas folhas e colmo. Os teores de aminoácidos livres totais nas folhas não se alteraram, mas, no colmo, aumentaram na presença de sal e aumento do amônio. A concentração de prolina livre nas folhas e colmo elevou-se nas plantas sob salinidade. O conteúdo de nitrogênio total foi maior nas folhas, entretanto não houve grandes alterações com a presença do sal. A concentração de carboidratos solúveis totais foi maior nas plantas tratadas com sal, exceto no colmo 0:100. Nas folhas, o teor de sacarose foi reduzido na presença do NaCl e aumento de amônio, enquanto, no colmo, foi maior no tratamento 75:25 com NaCl. O teor de amido não sofreu alterações com as diferentes combinações nas formas de N e salinidade. Conclui-se que combinações de NO-3 e NH4+ no meio afetam a acumulação de compostos nitrogenados e carboidratos em folhas e colmo, com presença ou ausência de salinidade, em plantas de sorgo forrageiro.


Palavras-chave


Sorghum bicolor; Nitrogênio; Estresse salino

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.