Comportamento ingestivo de ovinos em pastagem de tifton-85 (Cynodon ssp) na Região Nordeste do Brasil

Henrique Nunes Parente, Anderson de Moura Zanine, Edson Mauro Santos, Daniele de Jesus Ferreira, Juliana Silva de Oliveira

Resumo


Foi conduzido um experimento no nordeste do Brasil com o objetivo de avaliar o hábito de pastejo de ovinos da raça Santa Inês em pastagem de tifton-85 (Cynodon ssp). O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com três categorias (borregos, borregas e ovelhas) representando os tratamentos, cada um com cinco repetições. O período experimental foi de 40 dias, sendo 25 para adaptação dos animais e 15 para avaliações, que totalizaram 3, com duração de 12 horas cada, em intervalos de cinco dias. O teste de Tukey demonstrou que para o tempo de pastejo, os borregos e as ovelhas pastejaram por um tempo maior que o observado para as borregas, todavia, não foram observadas diferenças significativas para os tempos de ruminação. Contrariamente, o tempo de permanência em ócio foi maior para as borregas. Não houve diferença significativa para a taxa de bocados entre os borregos e borregas, sendo o menor valor observado para as ovelhas. Ficou evidente que os borregos pastejaram mais intensamente, comparando-se com as fêmeas, tanto as borregas quanto as ovelhas.


Palavras-chave


Bite, forage, intake, tropical

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.